+351 255 534 131

Views:
Filter

Filtrar por preço

Showing 1–24 of 88 results

Estremus tinto 2017

149.00

ESTREMUS surge não só da vontade de associar o vinho à sua vinha de origem, na sombra do Castelo de Estremoz, como também de mostrar e fazer referência a uma extrema qualidade e elegância exigidas por parte do enólogo João Portugal Ramos, numa procura incessante em criar um vinho único e distinto. E é com toda esta carga emocional associada que se pretende fazer chegar este vinho, de edição limitada e com garrafas numeradas, a um consumidor que também busca essa raridade. Com um enorme potencial de evolução, ESTREMUS leva-o a si consumidor, e acima de tudo “grande apreciador”, a ir mais além na sua imaginação.

Marquês de Borba Reserva Tinto 2017

59.00

Retinto. Excelente concentração aromática. Notas de frutos vermelhos, especiarias e compotas. Potente e elegante. Sólido, vigoroso, e com taninos muito compactos, mas esmagados pelo corpo. Longo e distinto final. Vinho de guarda.

Vinha da Rosa Single Vineyard Rosé

15.75

Cor rosa-pálido. Aroma fino e delicado. Na boca é fresco e estruturado, predominando as notas de framboesa e fruta tropical, com final de boca prolongado.

LV Tinto 2018

10.00

De cor violeta brilhante, excelente intensidade aromática onde se destacam frescas notas de frutos silvestres e elegantes notas de especiaria. Um vinho sedutor, de excelente volume, estrutura sólida composta por taninos de textura elegante. Termina harmonioso e com excelente persistência.

LV Branco 2020

10.00

Cor citrina muito atrativo no aroma, onde se destacam notas de lima, flor de laranjeira, e vibrante mineralidade. Um vinho cativante em boca, de acidez viva e estrutura equilibrada. Com final sedutor e fresco.

LV Reserva Branco 2020

25.49

Cor citrino brilhante, nariz com aromas frescos de frutos citrinos e suaves notas florais. Excelente projecção e persistência aromática onde se destaca uma, mineralidade marcante. Na boca tem início fresco e envolvente, evoluindo para um vinho texturado, de excelente volume, marcado por notas minerais bem integradas numa acidez vibrante. Termina fresco equilibrado e com excelente persistência.

LV Reserva Tinto 2018

25.49

Com uma cor rubi profunda, uma excelente frescura e projecção aromática no nariz, onde os frutos vermelhos se destacam muito bem integrados com notas suaves de especiarias. Inicia a prova na boca de uma forma muito harmoniosa, evoluindo para um vinho de excelente volume e estrutura composta por taninos de textura aveludada. Um vinho muito cativante, que termina com um excelente equilíbrio e persistência. LV Reserva Tinto acompanha na perfeição Carnes vermelhas, Carnes curadas, pratos de caça e queijos.

Cem Reis Branco 2020

25.00

A Herdade da Maroteira tem vindo a fomentar o seu potencial produtivo tendo plantado, em 2003, 10ha de vinha, numa zona de vale aberto. Grande parte da produção vitícola é vendida, apenas as uvas de qualidade superior são aproveitada para a produção de vinho da Herdade da Maroteira.

Rosa Santos Família 2017 Tinto

59.95

Vinho elaborado com uvas das nossas Vinhas Originais nos contra-fortes da Serra d’Ossa, em solos pedregosos e de baixa fertilidade. A vinha produz uns meros 3t/ha de uva muito concentrada em sabor e aroma. Feito com Aragones (clone de Tempranillo) Touriga Nacional, Alicante Bouschet e Syrah, é fermentado em pequenas dornas de 1.000Kg e passa 24 meses em barrica.

Quinta do Paral Grande Reserva 2018 Tinto

100.00

Além da complexidade, a Touriga Nacional oferece a intensidade e o equilíbrio com aromas a frutos silvestres maduros. Já a Cabernet Sauvignon proporciona uma ligeira frescura ácida com aromas a ervas aromáticas. A combinação destas castas torna este vinho rico e muito complexo, revelando o seu carácter distinto e inconfundível. Na boca sobressaem taninos sólidos e bem integrados no corpo cheio. Com uma seleção manual dos cachos inteiros e um processo de fermentação em lagar com pisa mecânica a temperaturas controladas, seguido de um estágio durante 26 meses em meias barricas novas de carvalho francês, este tinto apresenta um final muito largo, poderoso e elegante.

Produção Limitada a 500 garrafas.

Frederick Von S Reserva 2014 Tinto

101.00

Feito a partir de Trincadeira e Aragonês, apresenta cor rubi concentrada e intensa. Aroma intenso a frutos vermelhos maduros com notas de tostados e baunilha. Na boca é elegante, equilibrado e de taninos aveludados firmes evidenciando harmonia e final de prova longo. Ideal para acompanhar queijos fortes e suaves, carnes vermelhas, borrego, caça e peixe assado. Vinho de grande potencial de guarda.

Cem Reis Tinto 2019

69.90

A Herdade da Maroteira tem vindo a fomentar o seu potencial produtivo tendo plantado, em 2003, 10ha de vinha, numa zona de vale aberto. Grande parte da produção vitícola é vendida, apenas as uvas de qualidade superior são aproveitada para a produção de vinho da Herdade da Maroteira.

Inevitável Tinto 2019

25.25

Aspeto límpido de cor granada com grande profundidade. De grande riqueza aromática evidência notas balsâmicas, ameixas pretas e algum chocolate. Harmonização perfeita entre o vinho e a barrica onde estagiou, complexando o aroma com alguns frutos secos e especiarias. Boca com muita estrutura, encorpado e complexo, com final muito longo e persistente

Série Ímpar Retorto Branco 2018

75.00

Série Ímpar é fruto de um desafio feito à equipa de enologia da Sogrape Vinhos para criar vinhos diferentes, especiais e únicos. Vinhos com cunho pessoal, criados a partir da inspiração do enólogo. De vinhas muito velhas, a 640 metros de altitude, nasce o Série Ímpar Retorto. Oriundo de uma pequena vinha, na Serra de São Mamede em Portalegre, é das suas retorcidas videiras que tem origem o nome: Retorto.

É um vinho equilibrado entre fruta, acidez natural e barrica onde estagiou. É um vinho que já apresenta muita complexidade, mas com natural capacidade de evoluir mais em garrafa.

Apresenta cor dourada, com ligeiras nuances esverdeadas. O aroma é intenso e complexo, com notas de frutos brancos, frutos de caroço, uma ligeira alfarroba, alguma pedregosidade e notas de barrica bem integradas. Na boca tem bom volume, acidez vibrante, novamente com notas de frutos brancos, alfarroba e uma pedregosidade evidente, com um final de grande elegância e harmonia. Acompanhava bem um pargo assado no forno com esparregado de espinafres.

Alicante Branco 2019

25.20

100% Alicante Branco. O Alicante Branco, foi e é também conhecido como o Boal de Alicante ou o Boal Cachudo e terá sido durante muitos anos uma casta importante no Alentejo. Gyrão,1822, 50 anos antes da filoxera, cita vários “Boiais” mas dando especial destaque ao Boal Cachudo (sinónimo desta casta).

Um 100% Alicante Branco, único em Portugal é um ensaio de casta exclusiva de Portugal, é o único no mundo. Este vinho testa o potencial de uma das castas antigas do encepamento do Alentejo com a modernização da viticultura quase desapareceram.

Cor amarelo-citrino, nariz intenso, notas de toranja, pêssego e pólvora. Ataque cheio encorpado, excelente untuosidade e persistência.

Vinho com bastante concentração, bom para pratos de peixe no forno ou tacho e pratos de aves mais simples.

 

Vinho Tinta Carvalha

35.00

Um 100% Tinta Carvalha, o único vinho 100% desta casta em Portugal. Um vinho desconcertante, que demonstra o papel desta casta no antigo do encepamento do Alentejo. Frescura e pureza.

Localizada no sopé sul da Serra d’Ossa, este lugar é especial, sente-se! Dois riachos trazem as águas das chuvas da Serra mantendo o chão fresco no tórrido calor alentejano, nunca baixando o nível freático da água abaixo dos 5 metros. Era aqui que antigamente se plantava a vinha, o local era conhecido como o Chão dos Eremitas, “Chão” termo antigo para zona plana, e dos “Eremitas” referente aos monges Eremitas da ordem de São Paulo.

Aqui existem provas da produção ininterrupta de vinho desde o séc. XIV, a vinha teve tal importância que uma Bula Papal em 1397 isenta os “Pauperes Eremitas” de pagar tributos (impostos) nas suas vinhas. Mas a arqueologia vai mais longe, pois a descoberta da única ânfora de vinho fenícia do interior do País, que data do séc. VIII a.C, liga este local ao vinho cerca de 900 anos antes da chegada dos Romanos, no que são 3,000 anos de história ligada ao vinho.

As uvas, em solos graníticos e em regime de proteção integrada certificada, são selecionadas em mesa de escolha, 30% cacho inteiro de 70% desengaçadas, caiem por gravidade na cuba. Fermentação espontânea e maceração de 40 dias em pelícluas, seguido de estágio de 12 meses em cubas de inox.

Cor muito aberta, ruby, nariz intenso fresco, notas de fruto vermelho amargo, romã notas de grafite. Ataque tenso muito fino, elegante muita profundidade e tensão. Um tinto que mostra que o Alentejo pode ser outra coisa.

Um tinto com boa acidez bom peixes gordos complexo e carnes de tacho.

Vinho Rosé da Fitapreta

14.95

90/100 (Cuveé 4)- Wine Enthusiast

90/100 (Cuveé 4) –  Robert Parker

Um Rosé “não datado” que junta a frescura das colheita mais jovens, com a complexidade do estágio sobre borra, que apenas as colheitas mais antigas podem dar. É fino e complexo, sem nunca deixar de ser fresco e simples, como um grande Rosé deve ser.

Cor salmão muito ligeira. Apresenta uma textura cremosa no palato que é balançada com uma acidez refrescante.

Mediterrâneo continental, dias quentes e secos, com noites muito frias.

Conservar a 6-8ºC para ser servido a 10ºC para ser bebido a 12ºC.

Todas as nossas uvas provêem de vinhas da máxima qualidade da região do Alentejo, a sul de Portugal. As vinhas, de produção integrada, estão cultivadas em solos muito pobres de origem xistosa ou granítica, originando naturalmente uvas muito concentradas. O perfil aromático é ainda potenciado pelas práticas culturais da desfolha, desponta e mondda de cachos verdes.

Vindima manual muito selectiva em caixas de 20Kg. Transnporte para a adega em camião de frio. Os cachos, são cuidadosamente seleccionados numa mesa de escolha. Fermentação espontânea, 55% sangria e 45% prensa direta.

Acompanha de forma soberba pratos de peixe, marisco esaladas. Tem volume e estrutura para pratos de carnes brancas. Perfeito para comida indiana, tailandesa e sushi.

 

Tapada do Chaves Reserva Tinto 2015

29.95

Tapada do Chaves Reserva Tinto 2015 no nariz apresenta intensidade média, ameixa seca, mirtilo, caixa de tabaco, musgo, folhas secas, chocolate e pimenta branca. Na boca é seco, acidez média , tanino redondo, álcool alto, corpo médio, intensidade média, ameixa, mirtilo, leve baunilha e final longo.

Sale

Solstício Tinto 2012

25.00

Nariz: Um aroma exótico e complexo. As notas elegantes de resinas de pináceas junto com um vegetal balsâmico e sugestões de pimenta, noz moscada e cravinho. A fruta é vermelha, fresca e bem madura.

Boca: Na boca os taninos são verdadeiros corredores de fundo, poderosos, leves muito robustos e saborosos, dão um suporte mágico à fantástica fruta que deixa um longo e arrastado final que lava a boca.

Equinócio Branco 2012

24.45

Equinócio Branco 2012 é um branco suave, calmo e muito elegante

Nariz: Elegantes fumados com algum sílex que se sobrepõe à delicada e bem madura fruta branco.

Boca: Seda pura na boca, corpo médio a cheio, cremoso e amanteigado, bem estruturado, profundamente fino, com um final longo e acolhedor que convida à reflexão.

Sale

Herdade de Ceuta Reserva Tinto 2019 Alicante Bouschet

15.00

Herdade de Ceuta  Reserva Tinto apresenta aspeto limpo e cor rubi intensa. Aroma complexo a frutos pretos maduros, chocolate e especiarias. Palato a taninos firmes, complexidade e elegância com um final de boca prolongado e harmonioso.

A Laranja Mecânica

19.00

CONCEITO: Depois da primeira e suave prensagem, as uvas ainda têm 10 a 15% de sumo. Deixámos essas uvas macerar por 7 dias e depois voltámos a prensar e retirámos mais sumo, mais concentrado. Este sumo foi fermentado espontâneamente. O resultado é desconcertante, indisciplinado, disruptivo, perturbador… de uma maneira muito deliciosa. Não é um filme, é um vinho. É a nossa Laranja
Mecânica, pois a vida às vezes aplica uma pressão angustiante que apenas tentamos suportar. Aqui, transferimos a pressão mecânica para as peles, o que é uma maneira de lidar bastante saudável.

NOTAS DE PROVA: Cor laranja mel, nariz muito exuberante, notas de laranja cristalizada, algum marmelo quase toques de vindima tardia. Ataque cheio, super texturado a meio de prova, guloso, mas com muita frescura.

GASTRONOMIA: Ótimo branco para arranque de refeições como uma harmonização clássica de Foie gras, ou uma terrina, um branco muito interessante na transição brancos tintos, pela sua intensidade e concentração.

Vintage 2019:

90/100 Robert Parker

Vintage 2018:

90/100 Robert Parker

17/20 Grandes Escolhas

 

FitaPreta Branco Ancestral 2019

10.99

IDENTIDADE: Fitapreta Branco 2019 é um vinho de origem, um esforço para ressuscitar a velha fórmula dos brancos do Alentejo, utilizando castas típicas da região. Algumas castas como Tamarês (sin. Trincadeira das Pratas) e Alicante Branco (sin. Boal de Alicante) estão reduzidas a poucos hectares. Produzido com intervenção mínima, expressa os aromas e sabores puros do Alentejo.

NOTAS DE PROVA: Cor amarelo citrino, com aroma intenso a citrinos com notas minerais a refrescarem o conjunto. Ataca com bom volume e é rico na retro. Termina com uma frescura impressionante em harmonia com boa fruta. O final é bastante persistente.

GASTRONOMIA: Fresco, com boa acidez e alguma untuosidade, funciona bem com peixes grelhados, saladas e mariscos frescos.

Vintage 2019:

90/100 Robert Parker

Vintage 2018:

90/100 Robert Parker

17/20 Grandes Escolhas

 

Back to Top
Confirmar Idade Tem a idade legal para consumo de bebidas alcoólicas?

Shopping cart

Este site usa cookies para lhe proporcionar a melhor experiência